PARADELA, uma aldeia que pertence ao concelho de Valpaços, é pequena e tem ao longo do tempo sido desertificada pelos filhos que nela nasceram, rumo a outros locais com outras oportunidades para as suas vidas. Com o tempo mais uma aldeia ao abandono.
Terça-feira, 19 de Setembro de 2006
PARADELA TERRA SEM PAR

PARADELA TERRA SEM PAR

ÉS UMA ALDEIA, LINDA, LINDA DE ENCANTAR

EM PARADELA NÃO HÁ ROSAS ,

JÁ SECARAM AS ROSEIRAS,

AS ROSAS DE PARADELA, SÃO AS MOCINHAS SOLTEIRAS

 

 


 

Isto é apenas uma amostra do hino dedicado a esta aldeia, que em meados do séc. XX, Paradela estava cheia de gente humilde e trabalhadora,  que no final do dia de trabalho geralmente no trabalho da lavoura se juntavam para dançar e cantar e esquecerem as mazelas da vida que tão dificil era nessa época. Diz-se, principalmente pelos mais velhos, que naquela altura, Paradela tinha um rancho folclórico com lindas raparigas e belos rapazes, todos eles orientados por um senhor que ainda hoje é lembrado (o Sr, Tino de Chaves, já falecido). Mas hoje, Paradelenses, nada disto existe, os nossos emigrantes dão alguma vida à aldeia no mês de Agosto, quando partem, fica novamente a tristeza e a Aldeia regressa à solidão e à persistência de querer continuar a existir.

 

A propósito, leiam os versos abaixo para uma possivel canção.

 

INVENTEM ALGUMA COISA Pode ser sem música, só a cantar

 

PARADELA
I
Oh minha aldeia singela
Que ficas longe do mar
O teu nome é Paradela
O teu nome é para amar
 
Paradela linda terra
A tua história não mente
Tens uma história que encerra
Histórias de muita gente
 
REFRÃO
1
Oh Paradela querida
Como tu não há igual
És a terra mais garrida,
E colorida
Deste lindo Portugal
2
Oh Paradela querida
Como tu não há igual
És a terra mais garrida,
E colorida
Deste lindo Portugal
II
Quantas vidas já partiram
Te deixaram com Saudade,
Quantas vidas já te viram
Ninguém sabe a tua idade.
 
Ao teu lado há um monte
No teu meio água a correr
No teu seio uma fonte
Tu nunca irás morrer
 
REFRÃO
1
Oh Paradela querida
Como tu não há igual
És a terra mais garrida,
E colorida
Deste lindo Portugal
2
Oh Paradela querida
Como tu não há igual
És a terra mais garrida,
E colorida
Deste lindo Portugal
 
 

 

 

 

 

                                           

Counter

  Casa TeixeiraAqui se conversa e se joga por vezes à sueca               

 

 

 

 

 

 

 

 

        

Fruto da Terra



publicado por AJREIS às 10:35
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

free counters
TEMPO EM VALPAÇOS
Weather Forecast | Weather Maps | Weather Radar
posts recentes

Festa de Paradela 2017

Paradela Festa de 2006

Festa 1999

Video/Fotos de Paradela

Incêndio de grandes propo...

Fogueira Natal 2011

Natal 2010

PORTUGAL TEM TALENTO_DAVI...

FESTA 2010?

Prémio Notícias de Valpaç...

ALDEIA DE PARADELA

Santa Maria Madalena

CASA RECUPERADA

PARADELA

PARADELA vive «pesadelo» ...

CASAS VAZIAS

ÁGUA DE PARADELA INQUINAD...

Apóstolo Santiago

NATAL 2007

Festa 2007

VALPAÇOS

Festa 2006

Folar de Valpaços

Aldeia quase serrana

PLACA

PARADELA TERRA SEM PAR

Procissão

Igreja Santiago e escola

Festa de Paradela 2002

Freguesia de Santiago de ...

favoritos

Aldeia quase serrana

Festa de Paradela 2002

Procissão

arquivos

Setembro 2017

Maio 2016

Outubro 2015

Julho 2015

Setembro 2013

Janeiro 2012

Março 2011

Fevereiro 2011

Setembro 2009

Julho 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Outubro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Fevereiro 2008

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Janeiro 2007

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


mais sobre mim
mais comentados
15 comentários
9 comentários
6 comentários
5 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
Cara linda Cara Linda
links
subscrever feeds